Como otimizar o fluxo de esterilização para cirurgias oftalmológicas

As cirurgias oftalmológicas possuem uma característica muito particular que é o tempo entre cada procedimento. ​

​Uma cirurgia oftalmológica de facoemulsificação com implante de LIO (Lente Intra Ocular), a famosa cirurgia de catarata, por exemplo, dura em torno de 10 a 15 minutos, ou seja, existe um intervalo muito curto entre os procedimentos para o processamento dos instrumentais.​

​Por conta disso, muitas instituições que possuem um arsenal pequeno para o volume de cirurgias acabam utilizando o ciclo para uso imediato ou o ciclo flash como rotina, apesar da RDC15 deixar claro que esse método de esterilização só deve ser realizado em casos de urgência e emergência. Porém, o que talvez você desconheça, é que existem meios eficazes de realizar um processamento seguro e eficaz, otimizando assim os procedimentos sem abrir mão da segurança.​

Quer saber mais sobre isto? Continue lendo…

​É importante salientar que as etapas nunca podem ser puladas ou negligenciadas, lembre-se sempre que a limpeza é fundamental! Portanto, contar com um detergente eficiente, que necessite de um tempo menor de contato, e ainda assim tenha eficiência comprovada, é fundamental para agilizar o processo.​

​Utilize sempre embalagens adequadas para o processo de esterilização, que permitem a abertura asséptica dos instrumentais e diminuem as chances de que o material seja contaminado ou necessite de reprocessamento, acarretando atrasos nos procedimentos.​

​Faça uso de uma autoclave que consiga realizar ciclos consecutivos, sem superaquecer, permitindo processos rápidos, eficientes e seguros. Além disso, utilize Indicadores Biológicos com tempo de resposta mais curtos, assim você obtém a comprovação da efetividade do ciclo de forma mais rápida.​

Por que utilizar os indicadores biológicos?

Este é o indicador mais confiável, isto porque ele é feito a partir de microrganismos tecnicamente preparados para verificar e garantir a esterilização. Somente eles podem detectar a morte dos esporos microscópicos dentro do esterilizador e, se todos os esporos morreram dentro do indicador biológico, pode-se ter a segurança de que outros microrganismos infecciosos também morreram.​

A Sispack está há mais de 35 anos no mercado, com o objetivo de garantir que o processo de esterilização, limpeza e desinfecção na CME ocorra de forma segura e eficiente, garantindo assim a saúde de todos os envolvidos, de profissionais a pacientes.​

Você também pode ler um pouco mais sobre o passo a passo para uma esterilização eficaz em nosso artigo, que além de um passo a passo para o processo de esterilização, você também passa a compreender qual a importância de armazenar os materiais estéreis em locais exclusivos.​

Nossa missão é disponibilizar ao mercado produtos da mais alta tecnologia para os diferentes setores (médico, hospitalar, odontológico, veterinário, industrial, beleza e tatuagem). Uma empresa com a mais completa solução para as CMEs de hospitais, clínicas e indústrias de todo o país. Além de diversas opções de indicadores biológicos que atendem às suas necessidades, inclusive de acordo com o tempo de processamento dos materiais, também oferecemos diversas opções de embalagens para esterilização. ​

Produto adicionado a lista de orçamento. Se preferir, faça seu pedido agora mesmo cliclando no link de Whatsapp.